Teatros são diferentes - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Coluna de Cultura04/08/2017 | 15h56Atualizada em 05/08/2017 | 13h40

Teatros são diferentes

Colunista estreou espetáculo na Capital e fala um pouco sobre a estrutura dos teatros 

Nestes 20 anos de caminhada produzindo projetos musicais cuidadosamente concebidos para estreias em teatros, queria refletir e compartilhar algumas questões com vocês.

Teatro do Centro Cultural da Caixa (Rio de Janeiro), Teatro Municipal de Sorocaba (São Paulo), Teatro de Arena, Teatro Centro Cultural Érico Verissimo, Teatro do Sesi, Teatro do Sesc, Casa de Cultura Mário Quintana, Teatro Carlos Carvalho, Teatro Bruno Kiefer, Multipalco Theatro São Pedro (Porto Alegre), Centro Cultural Ordovás (Caxias do Sul), Centro Cultural Álvaro Pinto (Júlio de Castilhos), Fundação Afifi Simões Filho (São Sepé), Teatro do Sesc (Passo Fundo), Centro Cultural de Cachoeira do Sul, Theatro Treze de Maio e Theatro da Mente (Santa Maria) são alguns dos palcos onde já tive o prazer de levar meu trabalho. E isso é motivo de orgulho!

Teatro da Arena/ POA Foto: Reprodução / Reprodução
Teatro Bruno Kiefer/ POA Foto: Reprodução / Reprodução
Centro Cultural da Caixa, no Rio Foto: Reprodução / Reprodução

No último dia 9 julho, o Teatro do Centro Cultural Santa Casa, espaço moderno, um dos mais charmosos da capital, recebeu um de nossos projetos, o Divas do Rádio. Talvez um dos mais requintados do nosso leque. Sim, projeto aprovado no Edital de Ocupação, competindo com várias produções locais ('di POA') mas, artistas renomados no estado.

Para minha surpresa, eu e minha produção fomos surpreendidos com um dos tratamentos mais especiais da minha trajetória. Digo não só pela delicadeza, profissionalismo e atenção da produtora Renata Meirelles, mas de toda a equipe.

Um teatro limpo, completo, muito bem equipado, profissionais muito atenciosos, educados e dispostos. Enfim, dependências dignas de um grande espaço de Cultura...

Nem sempre é assim, é muito bom refletir sobre isso...Até mesmo quando viramos "prata de casa".

Você conhece o Centro Cultural Santa Casa?

Centro Cultural Santa Casa Foto: Reprodução / Reprodução

Teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa foi construído com modernos recursos para realização de espetáculos de teatro, dança e música, eventos corporativos, formaturas, festivais de cinema e seminários. Tem capacidade para até 284 pessoas (199 na plateia e 85 no mezanino) e oferece poltronas e acesso facilitado a pessoas com deficiências.

Mais que um teatro, é uma referência!

Já foi incorporado como espaço privilegiado para apresentações do calendário cultural da Capital, como o Porto Verão Alegre e o Porto Alegre em Cena.

E, como uma cantora do interior, ser recebida tão bem antes, durante e depois do espetáculo, só reforça que nosso trabalho está no caminho certo e digno de estar em grandes palcos.

Aqui cai por terra os discursos de que, no interior, não temos bons espetáculos e tudo parece "mais amador" do que nas capitais onde a disputa é grande e a diversidade de espetáculos e oferta muito maior.

Lembrando sempre que, em arte, cada um resolve como conduz sua construção, seu produto artístico e os passos a seguir.

Enfim...

Mais um espaço, mais uma rica rede de contatos e uma certeza: "Mais que água no camarim é essencial"... Hoje, não represento só meu trabalho, mas, sim, uma cidade que se diz Cultura.

 

 

.


 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPrefeitura continua limpeza em Santa Maria neste sábado https://t.co/XIu3WfAJZ7 https://t.co/LIcdfBKvcZhá 23 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMVÍDEO: motorista filma destruição ao longo da BR-287 https://t.co/qtykUbSLh9 https://t.co/UX5vvRv7mqhá 23 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros