Protesto contra abigeato é realizado em Caçapava do Sul - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Manifestação05/03/2017 | 19h40Atualizada em 05/03/2017 | 19h40

Protesto contra abigeato é realizado em Caçapava do Sul

Produtores rurais expuseram cabeças de animais mortos na Praça da Matriz, para chamar a atenção da comunidade

Um grupo de produtores rurais de Caçapava do Sul realizou um protesto, na manhã de sábado, contra os crimes de abigeato que vêm ocorrendo na cidade. Cabeças de animais mortos foram expostas na Praça da Matriz, no Centro. 

De acordo com diretor do Sindicato Rural, Sandro Ferreira, o protesto foi realizado devido ao crime ocorrido na madrugada de sábado, no Parque de Exposição Elyseu Benfica. No local, os abigeatários carnearam 18 ovelhas e levaram sete vivas.

Dois veículos são incendiados durante o final de semana em Santa Maria

O prefeito Giovani Amestoy, que acumula a pasta da Secretaria de Agropecuária, Indústria e Comércio, e seu adjunto Marcelo Freitas, também participaram do protesto. Eles pediram por mais segurança no município e deram apoio aos protestantes.

Amestoy disse, ainda, que a Inspetoria Veterinária têm feito ações para inibir este tipo de crime, como as ocorridas na semana anterior, que apreendeu mais de 30 kg de carne sem procedência nos estabelecimentos comerciais do município, mas que é preciso mais ação de investigação para combater estes criminosos. A Brigada Militar (BM) do município participou da ação, com blitz nas saídas da cidade.

Estabelecimento é alvo de assalto em Restinga Seca

De acordo com Ferreira, o boletim de ocorrência não foi registrado devido o fechamento do plantão da Polícia Civil no município, ocorrido no mês passado. Segundo informações da prefeitura, não há dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado sobre registro de boletins de ocorrências específicos de abigeatos em Caçapava do Sul. Assim, este tipo de crime acaba registrado como furto. 

Em 2016, foram 30 casos registrados de furto, nos quais estão incluídos, também, os casos de abigeatos. Ferreira alerta que o número de abigeatos é bem maior que este, e que muitos produtores acabam não registrando o boletim pela falta de impunidade contra este tipo de ação criminosa.

Defrec realiza maior apreensão de drogas da Região Central

No protesto, ficou decidido que haverá mais uma reunião na próxima semana para discutir ações para o combate do abigeato e que a Polícia Civil, Brigada Militar, Ordem dos Advogados do Brasil, Promotoria, Vigilância Sanitária e Inspetoria Veterinária, além de Sindicato Rural e Sindicato dos Trabalhadores Rurais devem fazer parte das discussões.

* Com informações da assessoria de comunicação da Prefeitura de Caçapava do Sul.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMBandas de Santa Maria podem se inscrever para tocar no Mês do Rock https://t.co/w7zkKNex59 https://t.co/TldBEYhqBUhá 1 minutoRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMContra propostas do governo, categorias se mobilizam na sexta-feira https://t.co/I0NYSu28Hs https://t.co/R8IEu0UzDYhá 16 minutosRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros