Escolas estaduais podem começar o ano com indicativo de greve - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Volta às aulas02/03/2017 | 10h01Atualizada em 02/03/2017 | 10h01

Escolas estaduais podem começar o ano com indicativo de greve

Aulas começam no dia 6 de março, e assembleia geral da categoria está marcada para o dia 8, em Porto Alegre

Escolas estaduais podem começar o ano com indicativo de greve Germano Rorato/Agencia RBS
No ano passado, professores estaduais fizeram 53 dias de greve, período em que cinco escolas da cidade foram ocupadas Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

As aulas da redes estadual de ensino estão previstas para começar na segunda-feira. Mas o 2º núcleo do Cpers/Sindicato fez uma convocação para assembleia dos professores já nesta sexta-feira, às 16h, no ginásio do Instituto Olavo Bilac.

A reunião vai votar um indicativo de greve. Segundo a diretora do Cpers Santa Maria, Sandra Regio, o que leva os professores a debater sobre paralisação, antes mesmo de o ano letivo começar, é que o Estado não quitou o 13º salário e segue parcelando o pagamento dos profissionais.

Apesar do encontro dos educadores da Região Central, nesta sexta-feira, o movimento de greve só pode começar oficialmente após o indicativo ser votado em assembleia geral com todos os núcleos Cpres do Estado. O encontro está marcado para as 14h da próxima quarta-feira (dia 8), no Gigantinho, em Porto Alegre.

O abraço de carinho pelos 65 anos do Colégio Fátima

– Para fortalecer o movimento, nós estamos visitando as escolas para conversar com os professores. No ano passado, nós fomos em 20 ônibus de Santa Maria para Porto Alegre. Queremos ter, pelo menos, o mesmo número de veículos neste ano.

Em 2016, os professores estaduais ficaram 53 dias em greve. No período, cinco escolas estaduais de Santa Maria e uma de Silveira Martins foram ocupadas por estudantes. Os jovens reivindicavam melhores condições estruturais nos colégios e enviaram comunicados de apoio ao movimento grevista dos professores.

DEBATE INTERNO

Com o chamamento do Cpers/Sindicato, as escolas estaduais de Santa Maria já convocam reuniões com os funcionários para discutir a posição interna de cada instituição. A diretora da Escola Coronel Pilar, Eli Correa Dias, disse que chamou os professores para uma reunião hoje, às 16h, na escola, para verificar a posição de todos os educadores.

Começa obra da nova ponte da RSC-287

– Não é nenhuma novidade que os profissionais da educação estão sendo desrespeitados. A escola tem tendência a seguir a decisão da assembleia geral, então, podemos começar o ano com greve mesmo – adiantou a diretora, nessa quarta-feira.


 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMCorpo de funcionário de universidade é encontrado em Santiago https://t.co/PkdN7kyyHK https://t.co/8kfjRZ9Qknhá 1 diaRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPM é condenado por morte de sem-terra durante desocupação de fazenda https://t.co/QwCdE7ezF7 https://t.co/mCqxKFUTEHhá 1 diaRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros