Prefeitura de Jaguari quita dívida com o Hospital de Caridade - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Saúde16/02/2017 | 20h51Atualizada em 16/02/2017 | 20h51

Prefeitura de Jaguari quita dívida com o Hospital de Caridade

Instituição de saúde recebeu última parcela do total de R$ 1,2 milhão em atraso desde 2016

Diário de Santa Maria
Diário de Santa Maria

A prefeitura de Jaguari quitou a dívida que mantinha com o Hospital de Caridade do município. Na quarta-feira, o prefeito Beto Turchiello (PMDB) repassou a parcela final do montante de R$ 1,2 milhão que devia à instituição de saúde, que é administrada pelo Hospital de Caridade de Santiago desde 2013.
Parte da dívida, referente a serviços prestados pelo Caridade, já havia sido paga ainda em 2016.
– Assumimos a administração com um restante da dívida de R$ 978.711,00, sendo que a última parcela de R$ 150 mil conseguimos pagar nesta semana, graças aos recursos oriundos do IPTU 2017 – afirma o secretário de Finanças, João Martins Pinheiro.

Instituição de saúde de Jaguari é administrada pelo Hospital de Caridade de Santiago desde 2013 Foto: Miguel Monte / Prefeitura de Jaguari/Divulgação

Ele destaca que a dívida era referente a parcelas pela prestação de serviços dos meses de agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro de 2016.

– Entre os dias 5 de janeiro e 15 de fevereiro deste ano, pagamos este total de R$ 978.711,00 para a administração do Hospital de Caridade de Jaguari, assegurando assim a continuidade do bom atendimento prestado à população pela instituição hospitalar – ressalta o secretário, salientando que, ontem, a prefeitura já pagou R$ 65 mil ao hospital, como parte da parcela do mês de janeiro de 2017.

Exército conclui montagem de ponte na RSC-287

O prefeito Beto Turchiello destaca que esse era o principal compromisso da administração nesses primeiros meses do ano.
– Sempre falamos que essa era nossa prioridade, ou seja, quitar a dívida com o Hospital de Caridade de Jaguari com os recursos oriundos do IPTU 2017 – diz.
Turchiello enfatiza a importância da participação dos contribuintes em pagar o tributo municipal em dia e, assim, oportunizar que a prefeitura pudesse quitar a dívida com a instituição de saúde.
Hoje o custo de prestação de serviços do Hospital de Caridade é de cerca de R$ 280 mil por mês, sendo que o município vem bancando 75,64% deste valor, e o Estado participa com um repasse de 24,36%.

Energia solar vai oferecer economia para a Santa Casa de São Gabriel

Para o prefeito, o esforço que a administração municipal está fazendo para manter o Hospital de Caridade aberto parte do princípio de que deixar fechá-lo seria um caos para a comunidade e para o município.
– É fundamental que possamos manter nosso hospital aberto e atendendo à população, cada vez com mais com qualidade – aponta.
Turchiello lembra que, após os investimentos feitos para a instalação de um centro de diagnóstico por imagem – que tiveram a participação da administração do hospital, prefeitura e comunidade –, a instituição irá receber, este ano, um Centro de Cuidados Intensivos e Integrados (CCI) com recursos do Estado e da União, e parceria com a prefeitura e o hospital, se transformando numa referência no setor de reabilitação de pacientes no Estado. 

(Com informações da prefeitura de Jaguari)


 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRenato Mirailh: há mais de 30 anos nos palcos santa-marienses https://t.co/EJW8pNL2sF https://t.co/Gj4SKJPLNphá 1 diaRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMAssaltantes amarram casal de agricultores e fogem levando dinheiro e um carro https://t.co/bp0ydKBG8p https://t.co/A7KW3xj4gOhá 1 diaRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros