Administração do Parque da Medianeira corta timbaúva sem autorização - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Ambiente27/02/2017 | 17h28Atualizada em 27/02/2017 | 17h28

Administração do Parque da Medianeira corta timbaúva sem autorização

Prefeitura irá ao local na quarta. Secretário de Meio Ambiente confirma que, para cortar, precisa de autorização e avaliação de um técnico

Administração do Parque da Medianeira corta timbaúva sem autorização Lucas Amorelli/New Co DSM
Foto: Lucas Amorelli / New Co DSM

O corte de uma timbaúva centenária localizada em frente ao velário do Parque da Medianeira, em Santa Maria, gerou reclamações por parte da população. Na manhã deste domingo, leitores telefonaram ao Diário indignados e informaram que a árvore tinha sido cortada.

_ É um absurdo cortarem uma árvore centenária. Esses padres acham que podem tudo _ afirmou um dos leitores.

O administrador do Santuário da Medianeira, padre Lucas Carvalho, confirmou ao jornal que partiu da administração a iniciativa, já que a timbaúva estaria podre e, no último temporal, galhos começaram a cair em cima da basílica, no estacionamento e na casa pastoral.

_ Era um risco para os fieis e frequentadores do parque. Não temos uma autorização formal, mas vamos procurar a prefeitura nesta semana _ informou o padre, ainda no domingo

Corte irregular

O problema é que o corte é irregular. Conforme informou o secretário de Meio Ambiente de Santa Maria, André Agne Domingues, na manhã de hoje, para efetuar a poda ou o corte total de qualquer espécie de árvore, é necessária a avaliação de um engenheiro ambiental. O profissional avalia a forma correta de fazer o corte, o local do descarte da árvore e a forma como será feita a compensação (plantio de outras árvores):

_ Temos vários tipos de corte e espécies. Algumas, não podem ser cortadas porque estão e extinção. Outras, como é o caso da timbaúva, podem ser cortadas desde que seja feita a avaliação anterior por um técnico. Na quarta-feira, vamos enviar uma equipe ao local para verificar a situação e avaliar a compensação e a multa que será cobrada.

Conforme o secretário, no domingo pela manhã, a Patrulha Ambiental da Brigada Militar esteve no parque e verificou que não se tratava de um crime ambiental (porque, no caso da timbaúva, há possibilidade de corte). Ao Diário, a Patrulha Ambiental disse que não poderia dar mais informações sobre o caso. Domingues explica que, nesse caso, o resultado da ação é um processo administrativo, que deve ocasionar em multa (o valor pode ir de R$ 500 a R$ 10 milhões).

A compensação, no caso do corte total de uma árvore, deve ser o plantio de 15 mudas de 1m80cm. A determinação da espécie da árvore e do local do plantio depende da avaliação do engenheiro.

_ A prefeitura espera que a árvore caísse na cabeça de alguém para cortarmos? As mesmas pessoas que fizeram a denúncia são as que passam por aqui para ir na missa, no velário. São as mesmas que, se um pedação caísse na cabeça delas, processariam o santuário _ indignou-se o padre.

Para podar ou cortar

O corte ou poda de qualquer espécie de árvore necessita de autorização junto à Secretaria do Meio Ambiente. Para fazer o pedido, os moradores podem ir ao local (4º andar do centro administrativo, na Rua Venâncio Aires, Parque Itaimbé), das 7h30min às 13h30min. O telefone de contato é o (55) 3921-7000.

Conforme o secretário de Meio Ambiente, a atual administração herdou da anterior uma fila de 300 a 400 pedidos de poda ou corte. Desde 1º de janeiro, outro 170 pedidos foram protocolados na secretaria.

_ Não herdamos a estrutura ideal para atender com celeridade os pedidos. Mas estamos trabalhando para agilizar o serviço aos moradores _ disse Domingues.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMAnemia falciforme, uma doença pouco conhecida https://t.co/yWzH3op7yd https://t.co/SH8nHjmnD7há 3 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMDivulgados os gabaritos dos vestibulares de inverno Fisma e Fadisma https://t.co/USORrTxDaK https://t.co/p7lQ6QaJL0há 3 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros