Policiais de Santa Maria vão a São Gabriel para reforçar policiamento - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Segurança30/12/2016 | 18h09Atualizada em 30/12/2016 | 20h07

Policiais de Santa Maria vão a São Gabriel para reforçar policiamento

Posto de combustíveis onde um soldado e um adolescente foram mortos, no último domingo, não vai abrir na virada do ano

Policiais de Santa Maria vão a São Gabriel para reforçar policiamento Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução

Após o assassinato do policial militar Bento Júnior Teixeira Borges, 36 anos, e do adolescente João Gabriel Ferraz da Silva, 16, no dia de Natal, em um posto de combustíveis de São Gabriel, o efetivo da Brigada Militar (BM) recebeu o reforço de 10 PMs do 2º Batalhão de Operações Especiais de Santa Maria (2º BOE). As ações começam na noite desta sexta-feira.

"Se eu ficasse, mataria alguém ou seria morto", diz PM investigado por omissão em morte de colega

De acordo com o tenente Adriano Veras da Silva, que responde pelo expediente administrativo em São Gabriel, haverá cerca de 50 PMs nas ruas para o policiamento no período de Ano Novo, quantidade que só se equipara ao período do Carnaval de rua.

– A BM está preparada para dar segurança à população. Garantimos a proteção, então não é necessário ter medo de sair para a rua. O crime que aconteceu no último domingo foi um fato isolado. Queremos que a população esteja mais tranquila – disse.

PM diz em depoimento que temeu por sua segurança e por isso não ajudou colega morto em São Gabriel

Na tarde de quinta-feira, a BM, a Polícia Civil e o proprietário do posto estiveram reunidos e decidiram que o estacionamento do estabelecimento ficará fechado entre o sábado e o domingo.

No domingo, às 19h, ocorre a missa de sétimo do PM Teixeira Borges, na Igreja Matriz, na Praça Central, centro de São Gabriel.

VÍDEO: Dois PMs são investigados por omissão em morte de colega em São Gabriel

O crime

Bento foi morto a golpes de facão e  João Gabriel Ferraz da Silva com um tiro. Há 16 investigados pela Polícia Civil – dois homens presos, sete adolescentes internados (entre eles, uma menina), quatro identificados e um ainda não identificado, além de dois PMs, que são investigados por suposta omissão de socorro. Os nomes não foram divulgados pela polícia.

 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPrefeitura quer cobrar ISSQN de mais serviços https://t.co/LjixRKUUzG https://t.co/tuB0prSIrAhá 15 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMJovem morre em acidente na BR-158 https://t.co/fVLIoC8QIO https://t.co/E0nu35zEqShá 16 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros