Mulheres relembram como encontraram bebê abandonado  - Diário de Santa Maria

Versão mobile

Santa Maria29/12/2016 | 19h16Atualizada em 29/12/2016 | 19h16

Mulheres relembram como encontraram bebê abandonado 

Câmeras de segurança podem ajudar a encontrar responsável pelo recém-nascido

Mulheres relembram como encontraram bebê abandonado  Denise Ferreira, arquivo pessoal/
Brigada Militar (BM) encaminhou o pequeno para o Pronto-Atendimento Municipal (PA) e ao Husm, para exames Foto: Denise Ferreira, arquivo pessoal

Denise Ferreira, 56 anos, e sua nora, Glauciane, 30, passaram por uma situação inusitada na noite de quarta-feira. Por volta das 23h, elas encontraram um recém-nascido no pátio de casa, na Rua dos Andradas, em Santa Maria. O menino estava enrolado em uma manta, entre o muro da entrada da casa, o registro de água e um formigueiro.

Denise lembra que ela e a nora conversavam na sala, quando Glauciane levantou-se para trancar a porta. Ao chegar à área, ela ouviu um barulho, que identificou facilmente. E gritou: ¿É um bebê ali no muro!¿. Não acreditando, Denise, foi verificar.

– Foi surreal. Quando peguei o bebê, estava chuviscando e ele tinha formigas (no corpo). Não acreditei. Ouvimos tanto sobre tragédias, mas quando vivemos a realidade, ela choca. Senti nervosismo, mas, ao mesmo tempo, emoção de a criança estar viva – ressalta Denise.

VÍDEO: dois PMs são investigados por omissão em morte de colega em São Gabriel

Após encontrar o recém-nascido, elas acionaram a Brigada Militar (BM), que encaminhou o pequeno para o Pronto-Atendimento Municipal (PA), para procedimentos iniciais. Posteriormente, a criança foi para o Hospital Universitário de Santa Maria (Husm), onde passou por exames. Um pediatra confirmou que o bebê tem cerca de três dias de vida, e que as características do cordão umbilical apontam para um parto feito em casa. O menino passa bem.

De acordo com a conselheira tutelar Greta Valério, o bebê já está em uma instituição de acolhimento. Ela diz que foi aberto inquérito policial para investigar quem o abandonou e qual sua condição. Glauciane e Denise já prestaram depoimento e a polícia deve solicitar imagens de câmeras de segurança da região para tentar identificar o responsável.

– A princípio não há identificação de pai ou mãe. O caso se caracteriza por abandono de incapaz – explica.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPara festejar o Dia dos Avós, poste uma foto com eles nas redes sociais https://t.co/2xY2pOq7le https://t.co/EFO4dedLychá 17 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMQuais as melhorias que 11 escolas de Santa Maria farão com dinheiro que receberam do governo https://t.co/Q3mmk8VM1W https://t.co/kHuLK2x6s0há 19 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros