Homem é condenado por estuprar sobrinha e tentar matar cunhado em Restinga Seca - Diário de Santa Maria

Justiça23/11/2016 | 20h09Atualizada em 23/11/2016 | 20h09

Homem é condenado por estuprar sobrinha e tentar matar cunhado em Restinga Seca

Réu foi julgado por júri popular nesta quarta-feira

Depois de quase 10 horas de julgamento, Silberto Alberto Janner foi condenado pelo Tribunal do Júri, no Fórum de Restinga Seca, a 10 anos e quatro meses de prisão, em regime fechado, por estupro e tentativa de homicídio, ocorridos em 2008 e 2009, contra a sua própria sobrinha e cunhado, respectivamente.

Homem é detido ao tentar furtar trilhos da viação férrea com trator em Cacequi

Conforme a denúncia do Ministério Público, o primeiro crime, de estupro, aconteceu em julho de 2008. A sobrinha de Janner, que foi vítima, tinha 13 anos à época.

Gerente de supermercado é preso por venda de produtos estragados em Rosário do Sul

Conforme depoimento da adolescente durante o processo, ela foi até a casa do tio, que morava com a sua mãe, no caso, avó da vítima. O acusado, então, mandou a mãe ir buscar lenha, e, nesse momento, houve os abusos. Ele teria ameaçado a adolescente dizendo que iria matá-la caso ela não tivesse relações com ele, se ela contasse ou se tivesse relação com outra pessoa. A vítima teria sido abusada outras duas vezes.

Polícia suspeita que derrubada de torre de rádio de Jaguari tenha motivação política

O segundo fato, que foi a tentativa de homicídio contra o cunhado, pai da sobrinha da qual o réu abusou, aconteceu no dia 14 de junho de 2009. Durante uma festa da família, o réu repreendeu a adolescente, que estava dançando com outro homem, chamando-a de vagabunda. Ao irem embora, o pai dela, cunhado do réu, questionou Janner por ele tê-la ofendida. Depois de uma discussão, quando o pai da adolescente estava entrando em casa, o acusado teria efetuado os disparos. Um acertou a aba do boné do homem, e os outros, a casa da vítima. Ele não sabia dos abusos, que foram confessados pela adolescente somente depois da tentativa de homicídio.

Dois estabelecimentos suspeitos de vender alimentos estragados são interditados em Caçapava do Sul

O réu negou todas as acusações contra ele. Disse que os disparos foram contra desconhecidos que teriam corrido atrás dele. Ele poderá recorrer da decisão em liberdade.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMSuspeito de integrar movimento neonazista é preso em Cruz Alta https://t.co/HlPiwvvtk9 https://t.co/EtWLEXWtgEhá 3 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMEstudantes começam a desocupar prédios da UFSM https://t.co/fHTMnU4nv0 https://t.co/uC8MlLQBGhhá 3 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros