Exposição conta história da Igreja Anglicana em Santa Maria e no Brasil - Diário de Santa Maria

Memória22/11/2016 | 20h49Atualizada em 23/11/2016 | 18h03

Exposição conta história da Igreja Anglicana em Santa Maria e no Brasil

Entre os itens à mostra na Catedral do Mediador, objetos litúrgicos que os primeiros missionários trouxeram à cidade, há 116 anos

Exposição conta história da Igreja Anglicana em Santa Maria e no Brasil Jean Pimentel/Agencia RBS
Foto: Jean Pimentel / Agencia RBS

O ano de 2016 é histórico para a Igreja Anglicana no Brasil: são comemorados os 126 anos da chegada dos primeiros missionários ao país, e 116 em Santa Maria. Além disso, seu histórico templo na cidade, a Catedral do Mediador, completa 110 anos. Em alusão às datas, a direção da catedral lançou o Memorial Anglicano, que busca valorizar a identidade e o patrimônio histórico dessa religião na cidade.

Associação de moradores  faz mutirões para recuperar  a "Gare de Camobi"

A exposição tem 50 itens da época em que os missionários chegaram a Santa Maria e banneres com o histórico da igreja, fundada pelo rei Henrique 8º (1491-1547) após ruptura com a Igreja Católica Romana. Valoriza-se ainda a presença dos anglicanos com um dos primeiros passos para a liberdade religiosa no país. Isso porque quando a família real portuguesa chegou ao Brasil, em 1808, permitiu que os acatólicos (como eram chamados anglicanos, luteranos e protestante) realizassem cultos.

 – Mas os praticantes não estavam autorizados a expor convicções religiosas em público, construir templos com aparência de templo ou ter seus casamentos reconhecidos – conta o historiador Prócoro Velasques Filho.

Foto: Jean Pimentel / Agencia RBS

O anglicanismo sempre foi considerado uma fé mais moderna e flexível, sendo pioneira em aceitar mulheres entre seu corpo de reverendos. Essa foi uma das novidades que os primeiros missionários, vindos dos Estados Unidos, trouxeram a Santa Maria. Eles começaram a falar em liberdade religiosa de fato no interior do Estado. Hoje, nos Estados Unidos, a igreja já celebra uniões homoafetivas.

– Há papel fundamental dos anglicanos na consolidação dos direitos civis – valoriza o historiador Paulo Henrique Vianna.Atualmente, o bispo primaz do Brasil é dom Francisco de Assis da Silva, líder religioso que atua a partir de Santa Maria.

MEMORIAL
Quando –
Até 30 de novembro. Visitação de segunda a sexta-feira, das 16h às 18h
Onde – Catedral do Mediador (Avenida Rio Branco, 890)
Quanto – De graça
Informações e agendamentos de escolas – (55) 3221-4328 e 98116-1904

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMMulher é assassinada na região oeste de Santa Maria https://t.co/PjnX8VoQqu https://t.co/xgnVH6iXCChá 5 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPelos trilhos, chegou o samba em Santa Maria https://t.co/sVGmCS0tNY https://t.co/ICHoOh2gYmhá 8 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros