CTGs de Santa Maria ganharam 15 troféus no festival realizado em Santa Cruz - Diário de Santa Maria

Enart22/11/2016 | 08h08Atualizada em 22/11/2016 | 08h08

CTGs de Santa Maria ganharam 15 troféus no festival realizado em Santa Cruz

 Foram seis primeiros lugares, três segundos, três terceiros e um quarto, além do título de Grupo de Dança Mais Popular e o Troféu Marca Grande

CTGs de Santa Maria ganharam 15 troféus no festival realizado em Santa Cruz Jean Pimentel/Agencia RBS
Leonado e Victória, do Poncho Branco, foram os melhores na Dança de Salão Foto: Jean Pimentel / Agencia RBS

Os tradicionalistas de Santa Maria fizeram bonito, mais uma vez, na final do Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (Enart), realizado em Santa Cruz do Sul no final de semana. Seis entidades do município e a 13ª Região Tradicionalista, cuja sede fica na cidade, conquistaram 15 prêmios. Foram seis primeiros lugares, três segundos, três terceiros e um quarto, além do título de Grupo de Dança Mais Popular e o Troféu Marca Grande. Isso sem falar nos CTGs que se classificaram para a final, o que já é considerado uma vitória.

A divulgação dos resultados ocorreu na noite de domingo. Ontem, os premiados ainda comemoravam. Para a Associação Tradicionalista Poncho Branco, a conquista do 1º lugar na categoria Dança Gaúcha de Salão e o 4º lugar entre as Danças Tradicionais da Força B – uma espécie de segunda divisão da modalidade – tem gosto de superação. 

Confira a programação da 24ª Tertúlia Musical Nativista

O prédio da associação, que fica no bairro Campestre do Menino Deus, foi interditado por causa de um desmoronamento em outubro de 2015. Sem uma sede para ensaiar, foi preciso improvisar. Outras entidades, e até salões paroquiais, serviram de local de ensaio. Mas, segundo a coordenadora da invernada adulta, Deisi Schneider Ullrich, nada desestimulou o grupo:

– Em 2011, o professor Silvio Pereira assumiu o grupo e começou a colocar na cabeça deles que poderiam ser grandes. A partir daí, só em 2014 não conseguimos chegar à final. Depois do Enart do ano passado, não sabíamos se conseguiríamos seguir com o grupo, mas decidimos tentar. Mas o grupo se manteve unido. Foi muito emocionante. Alcançamos nosso objetivo, mesmo com toda a adversidade.

Rodrigo do Sentinela da Querência venceu na modalidade Gaita de Boca Foto: Manuela Balzan / Agencia RBS

Além de estar representada pelos grupos participantes, passagens da história de Santa Maria foram recriadas nas apresentações. E a que mais agradou ao público foi a do CTG Sentinela da Querência, que levou o troféu Grupo de Dança Mais Popular, ou seja, que arrancou mais aplausos e reações de quem assistia o evento.

– Construímos a Vila Belga no palco e contamos a relação dela com o desenvolvimento de Santa Maria. Fomos aplaudidos de pé, as pessoas se emocionaram com o grupo e isso foi fantástico para nós – conta Valmir Beltrame, diretor artístico do CTG.

O Sentinela conquistou outras quatro premiações relativas às apresentações individuais. Entre elas, o Destaque Enart 2016, que vai para a entidade que classifica mais integrantes em diferentes modalidades, e uma dobradinha que vence há três anos na categoria Gaita de Boca, Rodrigo Filipini e o pai dele, Alceu Filipini.

DT Querência das Dores venceu na categoria Melhor Saída, da Força A  Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

Entre os premiados em grupo, o Departamento Tradicionalista Querência das Dores foi a Melhor Saída da Força A, entre todos os participantes.

– Foi uma grata surpresa. Na coreografia da saída, falamos sobre a cidade como polo religioso, as Marias de Santa Maria, da virgem Maria, da Nossa Senhora das Dores e da nossa entidade que leva o nome dela – explica o ensaiador do DT, Vinicius Ameida Farias. 

O DT também conquistou o 1º lugar na categoria Conjunto Musical de Danças Tradicionalistas. Confira, ao lado, a lista dos premiados da cidade.

O melhor Conjunto Musical de Danças Tradicionalistas é o do DT Querência das Dores Foto: Germano Rorato / Agencia RBS


Eles fizeram bonito

Danças Tradicionais Força B

3º lugar – DTG Noel Guarany

4º lugar – Associação Tradicionalista Poncho Branco

Melhor Saída – Força A 

1º lugar – DT Querência das Dores

Grupo de Dança Mais Popular 

CTG Sentinela da Querência

Destaque do Enart 2016 

3 º lugar – CTG Sentinela da Querência

Troféu Marca Grande 

13ª Região Tradicionalista

Dança Gaúcha de Salão

1º lugar – Leonardo Schneider Ullrich e Victória Brondani de Oliveira – AT Poncho Branco

2º lugar – Helder Moreira Machado e Bruna Sagoi da Silva – CTG Sentinela da Querência

Declamação Feminina

3º lugar – Aline Martins Linhares – CTG Farroupilhas

Conjunto Vocal

1º lugar – DTG Noel Guarany

Conjunto Musical de Danças Tradicionais

1º lugar – DT Querência das Dores

Violão

2º lugar – Pablo Machado Cardoso – CPF Piá do Sul

Violino ou Rabeca

1º lugar – Matheus Sebalhos Lameira – DTG Noel Guarany

Gaita de Boca

1º lugar – Rodrigo Filipini – CTG Sentinela da Querência

2º lugar – Alceu Filipini – CTG Sentinela da Querência

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMQuanto custa o sorvete na área central de Santa Maria https://t.co/Xfpfj2nX6p https://t.co/ccrGap9fsehá 5 minutosRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPor que está difícil encontrar o suspeito de cometer chacina em Pinhal Grande https://t.co/Wz6zXMAcC2 https://t.co/0uBCRnNHkyhá 1 horaRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros