Comida no lixo, não! - Diário de Santa Maria

Sustentabilidade10/09/2016 | 07h27Atualizada em 10/09/2016 | 16h52

Comida no lixo, não!

Cascas, folhas e sementes de legumes e raízes não precisam ser desperdiçados. Sabendo usá-los, podem se tornar pratos deliciosos

Comida no lixo, não! Germano Rorato/Agencia RBS
Coma Bem é um programa dos cursos de Jornalismo e Nutrição do Centro Universitário Franciscano, voltado para a alimentação saudável e gastronomia regional.  Foto: Germano Rorato / Agencia RBS
Alessandra Noal
Alessandra Noal

Especial

No Brasil, muitas sobras do pré-preparo dos alimentos que poderiam ser aproveitados são confundidos com lixo e, logo, descartados. Entre eles, folhas, caules, talos e cascas. O que muitos não sabem, é que esses ¿restos¿ são ricos em nutrientes. 

De acordo com dados da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), os brasileiros descartam, diariamente, o equivalente a 39 mil toneladas de alimento. O desperdício soma até R$ 170 por mês. No mundo, com tudo que é jogado fora, daria para alimentar 2 bilhões de pessoas.

Um teto feito com duas bacias

O cenário é preocupante. Segundo informações, de 2013, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 45% do lixo é hortifruti. O que muitos nem imaginam é que, além de economizar dinheiro, o ¿lixo¿ pode ser transformado numa grande refeição. Basta usar a boa vontade e um pouco de criatividade.

E o caminho, para modificar a realidade e reduzir o desperdício, começa em casa. Atenção às verduras e hortaliças. Com a casca e a semente de abóbora, por exemplo, é possível fazer um bolo. O talo da cenoura, da beterraba e do brócolis podem ser utilizados para produzir farofa caseira (veja as receitas abaixo).

Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

Recentemente, o programa Coma Bem, transmitido pela TV Unifra, teve uma edição sobre o assunto. A equipe preparou oito receitas com o aproveitamento integral dos alimentos, em apenas 30 minutos. A professora e nutricionista Tereza Blasi – que apresenta a atração ao lado do professor do curso de Jornalismo da Unifra Carlos Alberto Badke – comenta que as pessoas precisam rever a forma de preparo de seus alimentos.

– Talos são ricos em fibra e potássio, folhas em cálcio e ferro. São ingredientes que só agregam valor nutricional– ressalta.

Ainda rendem compostagem

Tereza acrescenta que, muitas vezes, os talos, as folhas e as cascas têm mais nutrientes do que dentro da polpa. O que realmente não der para comer, como partes que estavam um pouco estragadas e casca de ovo, ainda tem uma destinação: compostagem. Bata no liquidificador com água, e jogar na terra. 

Depressão em idosos pode ser detectada, tratada e superada 

O Coma Bem é um programa dos cursos de Jornalismo e Nutrição do Centro Universitário Franciscano, voltado para a alimentação saudável e gastronomia regional. No ar há quase um ano e meio, a atração vai ao ar todas às quintas-feiras, às 18h30min e 22h30min, no Canal 15 da NET. Aos sábados, às 12h15min, na TVE. Também é possível acompanhar o trabalho pelo facebook.com/comabemtvunifra e no canal do programa no YouTube.

Receitas rápidas para fazer em casa

Farofa
Ingredientes
– 3 colheres de talo de cenoura
– 3 colheres de talo de beterraba
– 3 colheres de talo de brócolis
–  1 1/2 xícara de farinha de mandioca
–  2 colheres de azeite de oliva
–  Alho poró e sal a gosto

Modo de preparo
–  Numa panela, misture os talos com o azeite de oliva para tostar. Depois que dourar, acrescente a farinha de mandioca e mexa por cerca de 10 minutos

Omelete
Ingredientes

–  3 ovos
–  Alho poró
–  Semente de abóbora
–  Azeite de oliva
–  Folhas de cenoura
–  Folhas de rabanete
– Tempero verde
–  50ml de água

Modo de preparo
Misture os ovos, o azeite, a água e o queijo. Tempere a gosto. Acrescente duas xícaras de folhas. Misture bem e coloque em uma frigideira antiaderentel Frite dos dois lados e sirva

Bolo de abóbora
Ingredientes
–   2 xícaras de abóbora, com casca e semente, cozida no vapor
–  2 colheres de manteiga
–  1 1/2 xícara de açúcar mascavo
–  1 colher (sopa) de fermento químico
–  1/2 xícara de aveia em flocos
–  1 1/2 xícara de farinha integral
–  4 colheres de sopa de sementes de abóbora tostadas

Modo de preparo 
– Bata a manteiga com açúcar. Acrescente os ovos e siga batendo. Adicione a farinha, a abóbora cozida e as sementes tostadas. Acrescente a aveia e o fermento. Asse em forno a 200°C, por 30 minutos

O que aproveitar

–  Beterraba: é possível usar as folhas, os talos e a casca para fazer sucos, refogados, patês e recheios
– Cenoura: ricas em vitamina A, as folhas ou ramas da cenoura podem ser usadas no preparo de bolinhos, refogados e em sopas
– Mandioquinha e batata: a casca pode ser fatiada bem fininha e preparada como chips, frita ou assada, para servir como petisco
– Abacaxi: a casca pode ser batida como suco ou utilizada no preparo de caldas 
– Laranja: a fruta pode ser batida com casca para preparar o suco. Na hora de coar, o que ficar na peneira pode ser aproveitado no preparo de bolos e outros doces. O mesmo vale para outras frutas como mamão, maçã, goiaba e manga
– Melão e melancia: aquela parte mais branca, conhecida como entrecasca, é rica em fibra e potássio, e pode ser utilizada no preparo de doces
– Agrião, brócolis, couve e salsa: os talos contêm fibras e podem ser usados para preparar patês, sopas e refogados
– Abóbora: as sementes podem ser tostadas e servidas salgadas, como petiscos

 

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMHusm e Hospital de Caridade são condenados por negligência https://t.co/8jThoUgtXX https://t.co/yIPd653L91há 35 minutosRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMSete dos oito prefeituráveis assinam compromisso junto à Comissão de Combate à Corrupção https://t.co/yhlFe2ad2R https://t.co/MaefbrF1Cbhá 1 horaRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros