Veja o caminho do Riograndense na primeira fase da Terceirona gaúcha - Esportes - Diário de Santa Maria

Tabela definida23/02/2017 | 20h43Atualizada em 23/02/2017 | 20h43

Veja o caminho do Riograndense na primeira fase da Terceirona gaúcha

Três clubes desistiram da competição, o que forçou a mudança na fórmula de classificação das equipes 

Veja o caminho do Riograndense na primeira fase da Terceirona gaúcha Lucas Amorelli/New Co DSM
Time do técnico Michael Böhm estreia em casa contra o Grêmio Bagé  Foto: Lucas Amorelli / New Co DSM

A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) divulgou a tabela da primeira fase da Terceirona gaúcha. O Riograndense, representante de Santa Maria na competição, estreará contra o Grêmio Bagé, em 2 de abril, no Estádio dos Eucaliptos. O Periquito está no Grupo A do campeonato, junto com Grêmio Bagé, Farroupilha (Pelotas), Rio Grande, Inter B e Guarany de Camaquã.

Riograndense apresenta metas do ano

— O Grêmio Bagé, junto ao Gaúcho, de Passo Fundo, parece que é um dos times que mais estão preparados e que vão investir na competição. Será um adversário muito forte — avalia o presidente do Riograndense, José Luiz Coden.

Três clubes declinaram da participação na Terceirona gaúcha por problemas financeiros: Palmeirense, de Palmeira das Missões, Atlético, de Carazinho, e Riopardense, de Rio Pardo. Dois deles estavam no Grupo C. Com isso, a chave ficou com apenas quatro times, enquanto as outras duas, com seis cada uma. Por isso, o regulamento, pré-estabelecido em congresso técnico em 30 de janeiro, sofreu alterações.

Conheça o alemão-italiano que trouxe a Europa aos Eucaliptos

Na primeira fase, classificam-se os quatro primeiros das chaves A e B e o quinto melhor entre os dois grupos. Já no Grupo C, passam os três melhores. Na segunda fase, haverá três quadrangulares. O quinto melhor colocado será reposicionado junto aos classificados do Grupo C para que essa chave também fique com quatro equipes. A partir daí, avançam os dois primeiros dos grupos para as quartas de final, em mata-mata.

Leia mais sobre o Riograndense

A cada time, serão permitidos apenas quatro atletas acima dos 23 anos por jogo. A dupla Gre-Nal, caso avance à decisão, não subirá de divisão, pois já são clubes de Série A. Nesse cenário, os melhores semifinalistas garantem o acesso. Em outra hipótese, se apenas Grêmio B ou Inter B chegarem à final, o melhor semifinalista e o outro time da decisão ficam com as duas vagas destinadas à Divisão de Acesso 2018.  

Foto: Arte, Izaur Monteiro / DSM


 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @pedrohpavan: Gramado da Baixada começa a receber reparos para decisão de domingo: https://t.co/jdsyE6X7Cj @diariosm https://t.co/W1Ho5B…há 7 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @pedrohpavan: Eliminado na Terceirona, Guarany de Camaquã terá apenas seis remanescentes contra o Riograndense: https://t.co/iEWn24pQMm…há 9 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros