Prefeitura de Santa Maria quer cobrar IPTU de todos os puxadinhos e imóveis irregulares a partir de 2018 - Diário de Santa Maria

Imposto26/01/2017 | 07h31Atualizada em 26/01/2017 | 07h31

Prefeitura de Santa Maria quer cobrar IPTU de todos os puxadinhos e imóveis irregulares a partir de 2018

Cobrança será possível a partir da conclusão do recadastramento, que deve ocorrer até maio

Prefeitura de Santa Maria quer cobrar IPTU de todos os puxadinhos e imóveis irregulares a partir de 2018 Roni Riet/Prefeitura Divulgação
Prazo de entrega das informações ficou definido em reunião nesta quarta, entre secretários e a empresa Geomais, que faz o recadastramento Foto: Roni Riet / Prefeitura Divulgação

O recadastramento urbano de Santa Maria, que começou em janeiro de 2014, entra na reta final. Durante reunião ontem, entre o presidente do Instituto do Planejamento (Iplan), Vilson Serro, o secretário de Finanças, Jean-Pier de Vasconcellos Esquia, e o diretor da Geomais Geotecnologia, Rafael Thiesen, ficou definido que todo o trabalho será concluído e entregue à prefeitura até o início de maio deste ano. Com isso, a prefeitura terá acesso às medições feitas em todos os imóveis de Santa Maria, o que não era realizado desde 1995. Dessa forma, o Executivo saberá de todos os casos de imóveis não registrados e que não pagam nada ou pagam menos IPTU do que o correto.

FOTOS: Obra do novo shopping de Santa Maria entra na reta final

– A atualização da planta de valores dos imóveis da cidade faz parte da melhoria na justiça da arrecadação. Há imóveis construídos que nem aparecem na planta de imóveis, outros que aparecem com dimensões menores que a real. Por isso, pagam menos impostos do que o realmente devido. Queremos fazer todos pagarem os tributos e isso vai melhorar a condição do município de prestar mais serviços ao conjunto da população. E temos de propiciar condições para que Santa Maria não entre na situação de alguns Estados e municípios, que não têm dinheiro para pagar os salários – afirmou Serro.

Número de pacientes nos corredores do PS do Husm é 3 vezes maior que o limite

Segundo ele, a partir da entrega dos dados pela Geomais, em maio, a prefeitura fará todos os esforços para cruzar os dados com o cadastro atual da cobrança do IPTU até o final deste ano. Com isso, a intenção é, no carnê do IPTU de 2018, a ser entregue em dezembro próximo, já cobrar o imposto dos puxadinhos e imóveis não registrados, o que aumentará a arrecadação.

Homem que tentava furtar casa fica entalado em chaminé em São Sepé

A gestão passada já tinha planos de fazer esse lançamento dos imóveis irregulares para o IPTU 2017, mas devido ao atraso na conclusão do recadastramento urbano, isso não foi possível.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMLotes de anticoncepcional são suspensos https://t.co/bqLPF75r3L https://t.co/sDHCvMW5aKhá 8 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMPersonagens e comidas de Silveira Martins https://t.co/LuBDiV7huI https://t.co/my5G6tAOUchá 8 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros