Prefeito midiático: Pozzobom usa redes sociais para divulgar ações de governo  - Diário de Santa Maria

Santa Maria09/01/2017 | 13h50Atualizada em 09/01/2017 | 14h29

Prefeito midiático: Pozzobom usa redes sociais para divulgar ações de governo 

Chefe do Executivo garante que fará uso das ferramentas para dar vazão e encaminhamento às demandas do povo

Prefeito midiático: Pozzobom usa redes sociais para divulgar ações de governo  Germano Rorato/Agencia RBS
Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

O político e gestor Jorge Pozzobom (PSDB) é centrado na busca por soluções para as pautas prioritárias na largada do seu governo: saúde, segurança pública e desenvolvimento. Nem por isso, ele descuida de algo estratégico a todo político: o marketing pessoal, algo que domina com maestria. Aliás, ele concilia as demandas da gestão com os seus próprios interesses. Pozzobom é midiático, ainda que não se agrade com o uso dessa palavra, mas o fato é que ele é, sim. 

Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos recebe 43 protocolos por dia

– Midiático, midiático... – murmura Pozzobom ao evidenciar certa insatisfação.

Mais de 4,1 mil meninos devem ser vacinados contra o HPV em Santa Maria

Nas redes sociais, ele fica à vontade, desenvolto. Mas isso não é de agora. Ele sempre fez uso de estratégias para ser notado, visto. Quem não se recorda do jingle, dos tempos de vereador, que grudou como um chiclete nos ouvidos da população, que trazia "vereador bom é Jorge Pozzobom..." ou ainda do "não seja afoito, vote 45678"? O Pozzobom, agora prefeito, quer inovar – a exemplo do que ele apregoava durante a eleição – também na forma de se comunicar.

– É prestação de contas. No 10º mandamento meu, eu trago "diálogo permanente com a população". E é isso que estou fazendo.

Como a política é um espaço em que a inocência e a ausência de interesses praticamente inexistem, Pozzobom sabe que as redes sociais também são um campo de busca por votos. 

Produção à toda

Depois que virou prefeito, Pozzobom já protagonizou mais de 20 "lives" – que são vídeos publicados em tempo real no Facebook. 

As intervenções do tucano trataram dos mais variados assuntos: agradecimento pela vitória, obra do Hospital Regional, Romaria da Medianeira, ida a São Paulo (agenda com os tucanos Alckmin e João Dória), discurso de posse, primeiro dia na prefeitura. E a lista só tende a aumentar nesses próximos quatro anos.

Tucano tem utilizado os chamados "lives", vídeos em tempo real no Facebook, para mostrar as iniciativas na largada da gestão Foto: Facebook / Reprodução

As redes sociais são, de fato, um espaço democrático de divulgação dos atos de um político. Ao mesmo tempo, elas são um canal de cobrança permanente por parte da sociedade, que se mostra cada vez mais engajada e conectada. Sobre isso, Pozzobom mostra-se tranquilo:

– Sei que serei cobrado, mas sou um homem de palavra. Ali adiante, as pessoas dirão "ele promete e faz".  

Pozzobom conta com um social media – profissional que o acompanha desde a época da Assembleia – que monitora a abrangência do tucano nas redes. Os "lives" dele já renderam mais de 236,4 mil visualizações, 3,5 mil compartilhamentos e 21,6 mil "likes" (curtidas). Para efeito de comparação, o município tem 201 mil eleitores.

O prefeito, inclusive, arrisca uma amostragem própria:

– De cem comentários, tenho, no máximo, quatro xingamentos. E todos têm resposta!

Estratégias de ontem e hoje

No que diz respeito às estratégias de comunicação e de marketing político, o perfil democrático de Pozzobom – presente junto às tomadas de decisões de governo – é deixado de lado. O político fala com orgulho ao dizer que ele mesmo foi quem esteve à frente das peças e ideias de publicidade relacionadas às campanhas dele:

– Sempre fui criativo.

Durante os dois pleitos a vereador e, depois, a deputado estadual (2010 e 2014), emplacou slogans e iniciativas marcantes: desde os grudentos jingles a uso de um pit stop, com cabos eleitorais que reproduziam a parada característica na área dos boxes das corridas automobilísticas, entre outras sacadas.

É comum assessores de político atenderem os telefones dos seus chefes, não é o caso de Pozzobom. Ele está sempre com o celular na mão e, no máximo, a meio palmo de distância. No celular, ele controla o perfil no Facebook e o aplicativo do WhatsApp. Apenas na quinta-feira, ele tinha 457 pendências no Whats, disse ao Diário:

– Não terceirizo respostas.

Polêmica e ponto positivo

Pozzobom já polemizou nas redes sociais. Há pelo menos dois episódios emblemáticos em que ele se digladiou com o PT ou com pessoas ligadas à sigla. Em janeiro do ano passado, o tucano publicou uma foto de uma novela em que aparecia o global José de Abreu, abertamente apoiador petista, e comparou o empresário Gibson Stewart (personagem de Zé de Abreu que coordenava uma facção criminosa) com integrantes do Partido dos Trabalhadores.

Na época em que era deputado estadual, escreveu no Twitter, que jamais seria preso por não ser do PT – as palavras foram para Vinicius Wu (ex-secretário-geral de Governo de Tarso).

Agora como prefeito, o lado positivo da proatividade de Pozzobom nas redes sociais é a interface com a sociedade:

– As cobranças e as sugestões irão aparecer. O positivo é que esse espaço seja uma caixa de ressonância para dar vazão ou encaminhamento às demandas da sociedade. É ver e cobrar – diz Mauricio Dias, professor da Unifra em Mídias Sociais.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSM94 vagas de empregos e estágios para quinta-feira https://t.co/bqkdLq0rN7há 9 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @pedrohpavan: Daronco estreia na Libertadores e apitará terceira final consecutiva no Gauchão: https://t.co/JYNKQjTFMa @diariosm https:/…há 9 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros