Inflação em Santa Maria foi menor em 2016, mas dezembro pesou no bolso - Diário de Santa Maria

Custo de Vida11/01/2017 | 07h31Atualizada em 11/01/2017 | 07h31

Inflação em Santa Maria foi menor em 2016, mas dezembro pesou no bolso

ICVSM registrou alta de 0,59% na cidade e o acumulado do ano fechou em 8,52%. O número é menor que o de 2015, mas ficou salgado no setor alimentício e de combustíveis

Inflação em Santa Maria foi menor em 2016, mas dezembro pesou no bolso Germano Rorato/Agencia RBS
Reajuste no preço dos combustíveis impactou na inflação  Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

Depois de registrar queda por quatro meses consecutivos, a inflação voltou a acelerar em Santa Maria. Em dezembro, o Índice do Custo de Vida (ICVSM) teve alta de 0,59%, de acordo com a pesquisa do Laboratório de Práticas Econômicas (Lape), do curso de Ciências Econômicas da Unifra. O índice é quase cinco vezes maior do que o de novembro, de 0,12% (a menor variação do ano). Com o resultado de dezembro, o acumulado de 2016 chegou a 8,52%, ficando acima da meta nacional da inflação que era de até 6,5%.

Setor imobiliário dá sinais de melhora em Santa Maria


Em dezembro, a alimentação teve a maior variação, de 1,53%. No entanto, o economista e coordenador da pesquisa, Mateus Frozza, também atribui a outros dois fatores: o aumento dos combustíveis e ao fato de que, nesse mês, com a ingestão de recursos do 13º salário, há reajuste de preços em diversos setores.

Aumento no preço do diesel deve impactar custo do frete em até 2%

Conforme Frozza, o aumento dos combustíveis e de outros itens que têm os preços regulados pelo governo – como as bebidas, medicamentos, telefonia e cigarros – contribuíram para o resultado final da inflação em 2016. 

Foto: Arte Izaur Monteiro / DSM
Foto: Arte Izaur Monteiro / DSM

O economista avalia ainda que, mesmo a inflação de 2016 tendo sido menor do que em 2015 – quando o índice local atingiu o recorde 10,51% –, os impactos econômicos nesse último ano foram mais significativos, principalmente com relação ao emprego. Ele explica que o aumento no número de desempregados pressionou a inflação para baixo.

700 contribuintes de Santa Maria e região que caíram na malha fina vão receber restituição

– Acredito que o país só vai sair da crise se voltar a gerar emprego. Até agora, não temos uma sinalização positiva. Há um ambiente de fortes incertezas – diz.

O economista ainda projeta que a recuperação econômica do país e, consequentemente, da cidade, só deve ocorrer no primeiro semestre de 2017 e passa pelo desempenho do agronegócio.

A variação dos alimentos no ano:

Alimentos que mais subiram no ano

– Mel: + 112,2%
– Feijão: + 90,5%
– Lentilha: + 61,5%

Alimentais que mais baixaram no ano

– Cenoura: - 36,1%
– Beterraba: - 23,2%
– Cebola: - 22,7%

Foto: Arte Izaur Monteiro / DSM


 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMVocê sabe como cuidar do seu pet no inverno? Veja dicas de especialistas https://t.co/EdZSfFk15C https://t.co/MI0SwAKIzRhá 1 diaRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMO que você vai almoçar neste domingo? Confira 6 opções de almoços em Santa Maria https://t.co/h765StDBXa https://t.co/gYmj2d6Kkxhá 1 diaRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros