Decreto de Pozzobom prevê contenção de despesas e economia de até R$ 10 milhões - Diário de Santa Maria

Corte nos gastos03/01/2017 | 06h45Atualizada em 03/01/2017 | 09h57

Decreto de Pozzobom prevê contenção de despesas e economia de até R$ 10 milhões

Haverá contingenciamento de 30% do orçamento das secretarias, além de cortes de CC's, diárias, telefonia, aluguéis, entre outros

Decreto de Pozzobom prevê contenção de despesas e economia de até R$ 10 milhões Maiara Bersch/Agencia RBS
Prefeito teve reunião com Grupo que será responsável pela redução das depesas Foto: Maiara Bersch / Agencia RBS

O desafio está lançado aos gestores municipais: fazer com que as promessas da campanha eleitoral possam ser colocadas em prática justamente em um ano em que segue a grave crise financeira no país, Estados e municípios. Em Santa Maria, o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB), que pregou, durante toda a campanha, o rigor financeiro, apresentou, nesta segunda, uma série de medidas trazida pelo decreto de contenção de gastos (veja as medidas abaixo) para priorizar investimentos em saúde, segurança pública e desenvolvimento econômico.

Pozzobom dá a largada no comando da prefeitura de Santa Maria 

– São medidas e gestos claros do nosso governo no sentido de mostrar que tempos absoluto respeito ao dinheiro público. Quando dizíamos, ainda na campanha, que iríamos cortar, muita gente parecia não entender – falou Pozzobom.

"Um currículo gigantesco"

A medida de maior impacto trazida pelo decreto prevê o corte de 30% no orçamento de todas as secretarias. O quanto será economizado ainda será calculado pela prefeito, já que o Orçamento Municipal de 2017 foi aprovado antes da Reforma Administrativa, que reduziu de 20 para 12 pastas e mexeu na estrutura de outras seis secretarias. Entretanto, as secretarias da Saúde, Educação e Desenvolvimento Econômico poderão ter algumas exceções no caso de novos contratos de locação ou aquisição de veículos e imóveis.

Pozzobom elenca as prioridades para a saúde ao longo de 2017

No decreto ainda consta redução de 20% dos CCs e do mesmo percentual em  gastos gerais – como água, luz e telefone. Proíbe a compra de imóveis e de veículos para o Executivo com recursos próprios. A prefeitura fará, também, um levantamento da existência de servidores que estejam em desvio de função e, inclusive, será feita a revisão de contratos e convênios firmados pela prefeitura. Os R$ 180 mil gastos mensalmente com aluguéis também serão reduzidos drasticamente.

Pozzobom em dose dupla na política de Santa Maria 

O desafio ficará a cargo do Núcleo de Gestão Estratégica de Avaliação e Qualificação da Despesa Pública, que será composto pelos titulares de Finanças, Controladoria Geral, Casa Civil e Gestão e Modernização Administrativa.

19 desafios aguardam por Pozzobom a partir de 2017

 – O grande objetivo é aumentar a capacidade de investimento, e proporcionar um serviço de melhor qualidade na saúde e outras áreas prioritárias, como desenvolvimento econômico e a segurança pública – explica Guilherme Cortez, à frente da Casa Civil e Gestão e Modernização Administrativa.

O novo gabinete

O Centro Administrativo, na Rua Venâncio Aires, voltou, na segunda, a ser sede do gabinete do prefeito. Na gestão de Cezar Schirmer (PMDB), o prédio histórico da SUCV foi o coração do governo peemedebista. Ainda durante a campanha, Pozzobom adiantou que, se eleito, retornaria para à sede anterior. "Sem essa de Casa Rosada, vou estar junto com os servidores", falava o tucano, à época do pleito.





 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @pedrohpavan: Fase de mata-mata da Copa Santiago começa nesta quarta-feira: https://t.co/A6I9ir7aKT @diariosm https://t.co/gAf5CVR2rbhá 1 horaRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @pedrohpavan: Inter-SM ainda busca mais três reforços para fechar elenco da Divisão de Acesso: https://t.co/K58hW2fQAs @diariosm https:/…há 2 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros