Além de conquistar o Executivo de Santa Maria, família Pozzobom deve estar à frente do Legislativo  - Diário de Santa Maria

Presidência da Câmara12/12/2016 | 08h31Atualizada em 12/12/2016 | 08h31

Além de conquistar o Executivo de Santa Maria, família Pozzobom deve estar à frente do Legislativo 

Vereador e irmão de prefeito eleito é apontado como favorito para ser o próximo presidente da Câmara Municipal

Além de conquistar o Executivo de Santa Maria, família Pozzobom deve estar à frente do Legislativo  Ronald Mendes/Agencia RBS
Admar Pozzobom, irmão do prefeito eleito Jorge Pozzobom, é o mais cotado para assumir a presidência do Legislativo Foto: Ronald Mendes / Agencia RBS

Virada de mesa, acordo e mudança de lado não são novidades quando se fala em eleição para a presidência da Câmara de Vereadores de Santa Maria. Com a proximidade de 1º de janeiro, quando a nova legislatura assume e ocorre a escolha da Mesa Diretora logo após a posse do novo prefeito, estão sendo costurados os arranjos em  busca da definição de quem será o presidente no primeiro ano da próxima nominata da Câmara (2017-2020). Apesar de previsibilidade não existir quando o assunto é a disputa da presidência,  um nome desponta como favorito no horizonte do lado do novo governo de Jorge Pozzobom (PSDB): o de Admar Pozzobom, o tucano que é irmão do prefeito eleito e o mais votado da sigla com 3,4 mil votos.

Prefeito eleito de Santa Maria projeta economia de R$ 2,4 milhões em um ano com redução de cargos

Questionado quanto à possibilidade de presidir o Legislativo, Admar é econômico nas palavras: 

– Meu nome está à disposição.

Em tese, o governo do eleito Jorge Pozzobom (PSDB) deve contar com maioria dos vereadores na Câmara. O próprio prefeito eleito tem dito que contabiliza o apoio de 15 parlamentares dos 21 eleitos. Ficam de fora, nessa conta do tucano, os quatro vereadores do PT, um da Rede e um do PRB. A contabilidade indica que seriam necessários 11 votos para chancelar o novo presidente do Legislativo.

Pozzobom deve anunciar que estrutura de governo ficará com 12 secretarias em Santa Maria

Em anos anteriores, a definição do presidente levou em conta fatores e critérios que não necessariamente se repetem ano após ano. Em 2013, por exemplo, primeiro ano desta legislatura, o presidente da Câmara foi Marcelo Bisogno (PDT) – o mais votado naquele pleito. Neste ano, Luciano Guerra (PT) foi o vereador mais votado, com 4,2 mil votos, e poderia ser o escolhido presidente do Legislativo. Porém, o próprio Guerra admite que ¿são quase nulas¿ as chances de uma mudança do cenário posto.

Pozzobom quer garantir R$ 10 milhões para a saúde de Santa Maria já no primeiro ano de governo

Apesar da sinalização de Admar como favorito não significa que o martelo está batido, conforme destaca é o experiente parlamentar Sergio Cechin (PP), que assumirá, ano que vem, como vice-prefeito:  

– Essa eleição (da presidência do Legislativo) sempre é uma incógnita. Nunca há certeza, apenas achismo.

Outros interesses

Além da definição do presidente do Legislativo, outra situação vem junto com essa demanda: a escolha dos nomes que ocuparão os 18 cargos da Mesa Diretora, com os maiores salários da Câmara distribuídos entre 16 CCs (cargos em comissão) e dois FGs (funções gratificadas).

Pozzobom estuda retirar recursos de grandes eventos para garantir mais verba à saúde em Santa Maria

Seja quem for o próximo presidente do Legislativo, ele terá a missão de encaminhar se a Casa aceitará ou não o pedido feito pelo prefeito eleito para rever o percentual destinado à manutenção da Câmara em 2017. Pozzobom propôs que haja uma redução dos atuais 6% para 5% do orçamento municipal para o Legislativo. Isso resultaria em uma economia de R$ 4 milhões a R$ 5 milhões para a prefeitura, que usaria na área da saúde. 

Prefeito eleito diz que não se mete no Legislativo

A definição de quem presidirá a Câmara mexe com o imaginário dos vereadores eleitos – sejam os estreantes ou os mais experientes. Na prática, as cartas estão sendo postas, o que se traduz em pedidos por ajuda e troca de favores – seja na Câmara ou na prefeitura.

Câmara de Vereadores devolverá R$ 3 milhões à prefeitura de Santa Maria

– Tem vereador novo chegando que nem faz ideia de como são as coisas. Mas tem estreante chegando e já colocando as garrinhas de fora – conta político experiente da cidade.

Novo prefeito de Santa Maria quer mexer no orçamento municipal

Com o apoio de mais de uma dezena de partidos, durante o segundo turno, o PSDB de Pozzobom tem sido assediado por quem se somou ao tucano. Porém, o presidente do PSDB-SM, Alexandre Lima, que é um dos interlocutores da transição no Executivo, adianta que ¿não há margem para barganhar¿:

– A prática do toma-lá-dá-cá pode ter dado certo com os outros que passaram, não conosco. Nossa gestão será austera e um modelo de eficiência. 

PT se articula

Se o prefeito Pozzobom tem dito que tem maioria na Casa, no que depender da oposição, esse número deve sofrer algumas baixas. A boataria que corre nos corredores da Casa é que o PT (com quatro vereadores eleitos) e a Rede (com um vereador) têm capitaneado a formação de um bloco para reverter a vantagem da situação. Ainda se busca cooptar o PMDB (três eleitos), PTB (com dois) e o PRB (com um eleito). Apesar de ser uma tarefa árdua, se isso ocorresse seriam 11 vereadores, votos necessários para levar a presidência da Casa.  

– Olha, o PT não tem muito o que oferecer...Já o PSDB, com a máquina na mão, só perde se for muito burro ou ingênuo – diz um vereador que não se reelegeu e que espera ser chamado para o governo Pozzobom.

O prefeito eleito tem dito que não irá se envolver com as questões da eleição da Mesa Diretora.

– Os poderes são independentes. Além do que, tenho uma boa relação com os eleitos e com os atuais. Mas não vou me meter na eleição – diz Jorge Pozzobom.

As articulações para a presidência do Legislativo

Na articulação do bloco governista, há até a construção de nomes que presidirão a Câmara pelos próximos quatro anos. Para 2017, seria Admar Pozzobom (PSDB), que já foi presidente, e os próximos anos estariam sendo pleitados por nomes como Dra. Deili (PTB), Maneco (DEM), dupla que já presidiu  a Casa, e  Marion Mortari (PSD). Marta Zanella (PMDB) também é cotada para a presidência e até para assumir uma secretaria no Executivo. 

O PMDB, que apoiou Fabiano Pereira (PSB) à prefeitura, já dá sinais de aproximação de Pozzobom. 

No primeiro turno das eleições municipais, a candidatura de Jorge Pozzobom contava com o apoio oficial de quatro partidos – PP, PR, DEM e PROS.  Todos, mais cedo ou mais tarde, devem reivindicar seu espaço, seja na Câmara ou na prefeitura, enfatiza um apoiador do Legislativo. 

Virada de mesa não é novidade na Câmara Municipal

No primeiro mandato do ex-prefeito Cezar Schirmer (PMDB), de 2009 a 2012, o peemedebista teve o apoio dos vereadores na Casa. Mas, na largada do segundo mandato, em 2013, Schirmer perdeu o ¿comando¿ do Legislativo. A bancada governista presenciou, em 2013 e 2014, viradas surpreendentes. 

Na primeira, em dezembro de 2013, Werner Rempel (PPL) foi eleito e rompeu com o acordo governista, que era mantido desde 2009. Já no final de 2014, Sergio Cechin (PP), que integrava a base de apoio de Schirmer, conquistou a presidência com a ajuda da bancada de oposição: PT, PSDB e PPL. No começo deste ano, Luiz Carlos Fort (PT) foi eleito o presidente, assegurando a continuidade do acordo que está em vigência desde a eleição do final de 2013.

A eleição na Câmara local não deixa de ser um microcosmo do que ocorre na Capital Federal, diz o cientista político da Universidade de Brasília (UnB) Paulo Kramer:

– O vereador, a exemplo do deputado, do senador, quer acomodar os seus. É simples: me ajuda, que eu te ajudo.

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMQuanto os candidatos a reitor da UFSM querem gastar na campanha https://t.co/KCNXmxah8f https://t.co/CXTC2SPKTMhá 10 minutosRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMFã de Taffarel e da escola de Victor, "paredão" Ian brilhou na classificação do Inter-SM https://t.co/olGoaR0cGw https://t.co/vMiTL1IClJhá 25 minutosRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros