Promessas e farpas na TV: uma análise do programa de Valdeci e Pozzobom nos últimos sete dias - Diário de Santa Maria

Eleições 201620/10/2016 | 11h00Atualizada em 20/10/2016 | 11h00

Promessas e farpas na TV: uma análise do programa de Valdeci e Pozzobom nos últimos sete dias

Na primeira semana do horário gratuito eleitoral, os dois candidatos fizeram provocações e críticas de forma direta e indireta

Promessas e farpas na TV: uma análise do programa de Valdeci e Pozzobom nos últimos sete dias Germano Rorato/Agência RBS
Foto: Germano Rorato / Agência RBS

Na disputa pelo voto dos santa-marienses, seja dos indecisos ou, até mesmo, de quem já está decidido, Valdeci Oliveira (PT) e Jorge Pozzobom (PSDB) fazem uso de uma mesma fórmula na propaganda eleitoral gratuita: intercalam a apresentação de propostas com acusações (leia mais na página ao lado), sejam elas veladas ou deliberadamente abertas entre si. 

RBS TV realiza debate dos prefeituráveis de Santa Maria no dia 28 de outubro

O Diário analisou os programas veiculados desde o recomeço da propaganda, que começou no último dia 12, até quarta-feira, 19 de outubro. Os materiais assistidos foram veiculados no horário da tarde, das 13h às 13h10min. E, de lá para cá, fica evidenciado um aumento constante no acirramento dos ânimos. Porém, as críticas são, de certa forma, comedidas em comparação com outras cidades que terão segundo turno, como Porto Alegre.

Os motivos para tantos votos "sem dono" no primeiro turno das eleições em Santa Maria

Valdeci bate na tecla da "inexperiência", do "continuísmo", da "instabilidade" e do "risco" que o "outro candidato" representa, em referência ao adversário. Pozzobom não deixa para menos e contra-ataca ao dizer que "fazer mais do mesmo não vai mudar nossa cidade" e cita o período em que o oponente foi prefeito, ao sentenciar "obras mal feitas por falta de competência e má aplicação do dinheiro público significam prejuízo financeiro para a nossa prefeitura".

Troca de farpas envolveu a área da saúde na campanha da TV entre Valdeci e Pozzobom 

O petista fala "em parcelamento de salários" ao tentar colar Pozzobom à gestão do governador do Estado José Ivo Sartori (PMDB). Pozzobom rebate ao dizer que "Santa Maria não é uma ilha" e que é preciso ter diálogo com os governos federal e estadual para a obtenção de recursos públicos.





No que se refere às questões das promessas, os dois voltam suas atenções para as mais variadas demandas: saúde, segurança pública, educação, entre tantas outras. O Diário catalogou, nos programas assistidos, 15 de Valdeci e 15 de Pozzobom. O petista fala que tem conhecimento e experiência para viabilizá-las, e o tucano assevera ter gestão, preparo e vontade para implementar um novo modelo de governo.

Na primeira semana do horário gratuito eleitoral, os dois candidatos fizeram provocações e críticas de forma direta e indireta. Pozzobom fez mais críticas. Confira todas as frases usadas para se referir ao adversário:










 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMComeça neste sábado a última edição do Pátio Rural https://t.co/b5bMVDdIk2 https://t.co/ehS8b5isUehá 9 minutosRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMComportamentos dos cachorros que devem ser controlados para evitar acidentes https://t.co/FrUtvYUDPH https://t.co/AuxNEwk50hhá 39 minutosRetweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros