Juíza suspende eleição de Cássio Trogildo para a presidência da Câmara Municipal - Diário de Santa Maria

Confusão em Porto Alegre07/08/2016 | 17h55Atualizada em 07/08/2016 | 18h04

Juíza suspende eleição de Cássio Trogildo para a presidência da Câmara Municipal

Vereador, que responde a processo por compra de votos, deve ser afastado do cargo maior do Legislativo nas próximas horas

Juíza suspende eleição de Cássio Trogildo para a presidência da Câmara Municipal Divulgação/PTB
Representante do PTB é acusado em ação popular de trocar pavimentação asfáltica e obra de iluminação  por votos Foto: Divulgação / PTB

A juíza Andréia Terre do Amaral, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, determinou que seja anulada a eleição do vereador Cássio Trogildo (PTB) para a presidência da Câmara Municipal da capital gaúcha. Na prática, isso deve determinar nas próximas horas o afastamento dele do cargo, a menos que ele consiga derrubar a decisão judicial.

Trogildo é réu numa ação popular, movida pelo cidadão Antônio Augusto D'Ávila, que preconiza o afastamento do vereador da presidência da Câmara, por compra de votos.

— É essa tese que foi acolhida pela juíza e que, na prática, vai resultar no afastamento do vereador desse cargo maior da Câmara — resume o advogado Moacir Donato de Oliveira, que representa os interesses de Antônio Augusto D'Ávila.

Em agosto de 2013, Trogildo teve o mandato cassado, em outra decisão, pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), sob suspeita de compra de votos nas eleições municipais do mesmo ano e abuso da máquina pública. O vereador conseguiu se manter no cargo mediante uma liminar do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e acabou guindado à presidência do Legislativo municipal porto-alegrense, em janeiro deste ano, por acordo de lideranças partidárias.

Leia mais:
Cássio Trogildo assume presidência da Câmara de Porto Alegre
Trogildo é eleito presidente da Câmara Municipal
Cássio Trogildo tem mandato cassado

As irregularidades visando obtenção de votos, conforme o MP, seriam a pavimentação asfáltica e a colocação de pontos de iluminação em locais fora do previsto e que consistiam em redutos eleitorais do vereador. Para isso, Trogildo teria se utilizado da estrutura da Secretaria de Obras e Viação (SMOV), pasta que ocupou durante o governo José Fortunati.

O MP usou, na ação, uma gravação de áudio de uma conversa ocorrida no bairro Rubem Berta entre um representante da prefeitura e um conselheiro do Orçamento Participativo — na época,apoiadores da campanha de Trogildo. Eles anunciam o início do asfaltamento de uma rua do bairro e fazem propaganda de Trogildo para vereador.

Trogildo sempre negou as denúncias feitas pelo MP e promete se manifestar a respeito do afastamento, assim que for citado.A medida da juíza é liminar (provisória) e não atinge o mandato do vereador, apenas determina seu afastamento da presidência do Legislativo. Na decisão, a magistrada é veemente:

"Neste momento de exame sumário é possível constatar que os fatos imputados ao vereador (Cássio Trogildo) são por demais graves e violadores da moralidade pública. Diante do exposto..., a fim de evitar um futuro esvaziamento da demanda, defiro a liminar postulada para o efeito de suspender o ato de eleição para a presidência do Legislativo Municipal".

A juíza Andréia também considera necessário afastar Trogildo da presidência porque não há notícia de que ocorra, em breve, o julgamento do processo que pede a cassação do mandato dele.  

CONTRAPONTO

A assessoria de imprensa do vereador Cássio Trogildo (PTB) informa que ele irá se manifestar assim que for citado pela Justiça.


 

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMAssaltante esfaqueia taxista e é preso em Santa Maria https://t.co/3fwdKZFDrJ https://t.co/AMauaJdQmAhá 3 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMBom dia! Previsão indica que a nebulosidade logo se dissipa e não deve chover. Faz 7ºC. A máx. chega até 25ºC de ta… https://t.co/ZfVl2dXhvuhá 3 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros