Deputado santa-mariense faz duras críticas ao juiz Sergio Moro, da Operação Lava-Jato - Diário de Santa Maria

Polêmica05/08/2016 | 22h38Atualizada em 05/08/2016 | 22h38

Deputado santa-mariense faz duras críticas ao juiz Sergio Moro, da Operação Lava-Jato

Paulo Pimenta criticou a seletividade da Justiça e a condução coercitiva do ex-presidente Lula

Deputado santa-mariense faz duras críticas ao juiz Sergio Moro, da Operação Lava-Jato Zeca Ribeiro/Agência Câmara
Pimenta falou durante comissão especial que trata de medidas contra a corrupção Foto: Zeca Ribeiro / Agência Câmara

O deputado santa-mariense Paulo Pimenta (PT) foi exaltado por petistas e apoiadores de Dilma e Lula por causa das críticas que fez ao juiz Sergio Moro, na quinta, na Câmara. Moro pediu fim do foro privilegiado, criminalização do caixa 2 e ações contra corrupção. O juiz ganhou destaque atuando na Operação Lava-Jato, que tem investigado e julgado diversos servidores da Petrobras e políticos, principalmente do PT, PP e PMDB, que teriam recebido propinas da estatal para irrigar as campanhas eleitorais com caixa 2 ou doações registradas.

Jovem é encontrado morto sobre os trilhos em Santa Maria

Em sua fala a Moro, Paulo Pimenta criticou a seletividade da Justiça e da mídia, por ¿não terem cobrado com tanto rigor o escândalo do Banestado quanto agora na Operação Lava-Jato¿:

– Eu gostaria que os procuradores tivessem sugerido uma mudança da legislação, que eu quero defender, para que juiz ou procurador, quando ele for corrupto e vender sentença, que seja cassado, porque a pena máxima a um procurador ou juiz que venda sentença é ser aposentado com salário integral.

Alunos da UFSM de Silveira Martins vão estudar no campus de Santa Maria

Pimenta ainda atacou Moro:

– Quando se fala da legislação americana, imagina se um juiz de primeira instância de um Estado dos EUA captasse de maneira ilegal uma conversa telefônica entre o Bill Clinton e o Obama e jogasse nas redes de TV, qual teria sido a atitude da Justiça? E por que a gente não chama esses exemplos e a condução coercitiva de um ex-presidente da República?

Por fim, Pimenta criticou as delações premiadas da Lava-Jato:

– Indivíduos que roubaram milhões de reais durante anos, como Sergio Machado e Paulo Roberto Costa, pelo fato de fazerem delação premiada, passam a cumprir penas em verdadeiros spas de luxo – disse.

Moro respondeu apenas que não comentaria casos concretos.

 

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMCâmara cria comissão para investigar denúncia contra Farret https://t.co/KFZOAHtsEH https://t.co/jFt6tu3GSjhá 8 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMAssaltante esfaqueia taxista e é preso em Santa Maria https://t.co/3fwdKZFDrJ https://t.co/AMauaJdQmAhá 15 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros