Música, fé... minhas paixões - Cultura e Lazer - Diário

Versão mobile

Coluna Moda 01/09/2017 | 15h12Atualizada em 03/09/2017 | 11h10

Música, fé... minhas paixões

Colunista fala sobre suas referências e seu amor empenhado no novo trabalho "Saravá"


Quem nunca se benzeu na vida?
Quem nunca acendeu uma velinha pedindo ajuda?
Quem nunca pediu proteção a São Jorge?
Ou um amor para Santo Antônio?
Quem nunca cantou feliz da vida "levei o meu samba pra mãe de santo rezar, contra o mal olhado eu carrego o meu patuá"!

Música e religião são paixões que sempre estiveram vibrando forte comigo e que, agora, se unem em um projeto cheio de significado.

Meu novo projeto, Samba e Saravá, resgata minhas origens numa resenha afetiva de ritmos, num novo momento do trabalho que se assume movido pelo mistério da fé e encantamento com a cultura africana.

Jongos, afoxés, maçambiques, sambas... neste, a preferência é feita de "pontos" e "rezas", elementos musicais e religiosos provenientes da África, tão marcantes em nossa história que, enverada o projeto do show quase que para a litania do culto. Um trabalho rico de pesquisa e resgate desta maravilha de canções e músicos como as referências...

...Tincoãs

...Clementina de Jesus 


...Maria Bethânia

E esse trabalho de pesquisa e vivência, resulta agora na forma Saravá, EP de anotação afetiva, com 11 obras – entre pontos, benzeduras e gargalhadas. É um registro contemporâneo de minhas essências afro/gaúchas e emotividades lúdico/religiosas ao imprimir um novo "momento" de meu fazer artístico.


Debora representando o orixá oxum Foto: Leonardo Lima / Divulgação

Pautado agora, na pesquisa ancestral de temas musicais que nos remetem e levam diretamente aos terreiros de umbanda e outras tantas vertentes afro religiosas.

Um material simples e rico, gravado ao vivo na Capital, sem a preocupação técnica e seus "efeitos tecnológicos e afins", e sim a preocupação com o meu sentir...

Hoje, me assumo uma umbandista em desenvolvimento, cheia de descobertas e mistérios. Onde aceito o som do tambor que contagia, a energia que vibra. Sou só gratidão aos orixás....

E minha forma mais linda de agradecer é através da música.

Samba e Saravá!  É no próximo dia 9 de setembro, às 20h, no Espaço Victório Faccin.

 


 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRenato Mirailh: há mais de 30 anos nos palcos santa-marienses https://t.co/EJW8pNL2sF https://t.co/Gj4SKJPLNphá 1 horaRetweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMAssaltantes amarram casal de agricultores e fogem levando dinheiro e um carro https://t.co/bp0ydKBG8p https://t.co/A7KW3xj4gOhá 5 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros