Cronistas do Diário: Entre traços e cores, por José Otávio Binato - Cultura e Lazer - Diário

Versão mobile

Opinião07/01/2017 | 07h07Atualizada em 07/01/2017 | 07h07

Cronistas do Diário: Entre traços e cores, por José Otávio Binato

Cronistas do Diário: Entre traços e cores, por José Otávio Binato Arte Rafael Guerra / Agência RBS/Agência RBS
Foto: Arte Rafael Guerra / Agência RBS / Agência RBS
José Otávio Binato

josebinato@terra.com.br

Gostaria muito que vocês conhecessem a redação do Diário de Santa Maria. Fechar a edição de um jornal é uma epopeia a cada dia. Encerra-se uma edição e lá vem outra atropelando tudo e todos. Protelar, na Redação, nem pensar. Prazos são metas, e cada um de nós temos um "chefe" que zela para que tudo aconteça conforme o planejado. 

Às vezes, uma notícia sensacional surge de última hora e pronto. Lá se vai a paz! É um corre-corre para reprogramar. Cada matéria passa por editores, que revisam tudo. Não fica nada sem os olhos dos especialistas em cada matéria. Tudo pronto e revisado, o texto vai para a diagramação. Colegas se debruçam para que cada coisa fique certinha em seu espaço. Nem mais, nem menos. E tudo para ontem. 

Como cronista do MIX, no fim de semana, tenho minha editora. Muito chique e necessário. Tempos atrás, era a Tatiana Py Dutra. Hoje, é a Silvana. Mais conhecida na Redação por Sil. Como ela não me autorizou a revelar esse apelido, por favor, tratem ela como Silvana, certo? Pois a Sil sofre um monte comigo. 

Leia mais textos dos cronistas do Diário 

Já fiz uma crônica sobre protelação ou procrastinação tempos atrás. Eu sempre deixo para a última hora, e ela enlouquece. Avisem o Binato de que está vencendo o prazo! Imaginem o estresse desse lugar chamado Redação. 

Mas eu queria era falar do Elias. Todas as semanas, ele ilustra, com seu traço e suas cores, nossas crônicas do MIX. Numa semana, é a minha; na outra, a do Canellas. Imaginem como deve ficar o nosso Elias à espera da minha crônica para, em pouco tempo, criar imagens que sintetizem os nossos sentimentos traduzidos por palavras. 

Em poucos minutos, ele manda de volta para nós uma verdadeira obra-prima. Sua capacidade de síntese é de uma genialidade fora do comum. A criatividade, no caso do nosso Elias, faz-se sobre pressão do tempo e de uma Redação inteira. Mais impressionante é sua competência. 

O mundo está necessitando de mais sensibilidade, mais amorosidade, mais alegria, mais reflexão. É necessário nos dedicarmos a sermos mais humanos, para que possamos ter (e sermos) exemplos mais positivos. Como o Elias, que, com traços de amor e cores de alegria, nos brinda com sua genialidade e carinho. Eu não conheço pessoalmente o Elias, mas nos tocamos a cada mensagem que meus olhos e minha alma capta a cada semana. Um excelente 2017! 

 
 

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMRT @joao_lamas: Dois são presos em operação contra assaltos e furtos em Santa Maria https://t.co/HeVNwLE3iy @diariosm https://t.co/QjL5qFUz…há 3 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMProfessores da UFSM vão aderir à greve geral contra reformas trabalhistas https://t.co/j3FPUDwY7t https://t.co/zT8NbLDKCQhá 8 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros