Quinta-feira à noite será de rock autoral em Santa Maria  - Cultura e Lazer - Diário

Versão mobile

Música07/09/2016 | 20h15Atualizada em 07/09/2016 | 20h15

Quinta-feira à noite será de rock autoral em Santa Maria 

Bandas Tia Sú, Camaleão e os Bichos do Mato e da Velha Cortesã se apresentam hoje à noite na cidade

Quinta-feira à noite será de rock autoral em Santa Maria  Tia Sú /Divulgação
Foto: Tia Sú / Divulgação

Anoite desta quinta-feira será especial para o rock de Santa Maria. Primeiro, às 20h, a querida Tia Sú estreia no palco do Theatro Treze de Maio e promete brindar o público com um repertório autoral e autêntico. Depois, é a vez dos meninos da Camaleão e os Bichos do Mato e da Velha Cortesã mostrarem suas composições no Moto Garage Lavagem e Botequim. E agora? Qual programação escolher?A notícia boa é que você não vai ter que optar por um show ou outro e ainda vai ganhar um presentinho maneiro se for nos dois. É isso mesmo! 

Após quase 20 anos, Tia Sú estreia no palco do Theatro Treze de Maio  

Vitor Calegaro, guitarrista e vocalista da Camaleão, contou para a coluna que vai rolar uma promoção bem legal. Aqueles que forem aplaudir a Tia Sú no Treze e, na sequência, tomarem o rumo do Moto, vão ganhar um disco da banda camaleônica. Para garantir o brinde, basta apresentar, no bar, o ingresso que permitiu a entrada na casa de espetáculos. A ideia surgiu porque Leo Mayer toca na Camaleão e na Tia Sú e porque os rapazes não gostariam que o público tivesse que se dividir entre as duas atrações. 

Guitarrista lança CD com verba arrecadada no Calçadão de Santa Maria

Além do guitarrista Leo Mayer, a Tia Sú conta com Diego Pig (vocal, teclado e violão), Eduardo Staudt (bateria) e Felipe Schroeder (contrabaixo e backvocal). O show no Treze custa R$ 10 (antecipado) e R$ 15 (na hora). E quem for se estender na noite vai ter de desembolsar mais R$ 10 para entrar no bar. A Camaleão, além do Vitor e do Leo, é formada por Cezar Nogueira (bateria) e Vinicius Brum (baixo e vocais) e promete muito rock¿n¿roll ao público. Já a Velha Cortesã, com Felipe Hoppe (bateria), Guilherme Gabbi (guitarra), João Pedro Lima (vocal e guitarra) e Vagner Funck (baixo), bebe na fonte dos anos 1970 e tem influência de diversos nomes nacionais e internacionais.

 

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Diário SM no Twitter

  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMSegundo suspeito de ter assassinado homem em Caçapava do Sul é preso https://t.co/mzk7Wtpwyk https://t.co/uPOLerXhoGhá 2 horas Retweet
  • diariosm

    diariosm

    DiárioSMMuito bom dia! Agora faz 7ºC. Máx. chega até 26ºC de tarde (cerração baixa, sol que racha!). De noite, cai até 13ºC… https://t.co/6INdR7Q8alhá 3 horas Retweet

Veja também

Diário de Santa Maria
Busca
clicRBS
Nova busca - outros